Sábado, 18 de Maio de 2024
21°C 25°C
Alagoinhas, BA
Publicidade

Kajuru defende permanência de Jean Paul Prates na presidência da Petrobras

O senador Jorge Kajuru (PSB-GO) defendeu, em pronunciamento nesta terça-feira (9), a permanência no cargo do presidente da Petrobras, Jean Paul Pra...

09/04/2024 às 16h00
Por: Redação Fonte: Agência Senado
Compartilhe:
 - Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado
- Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

O senador Jorge Kajuru (PSB-GO) defendeu, em pronunciamento nesta terça-feira (9), a permanência no cargo do presidente da Petrobras, Jean Paul Prates. Ele está sob forte pressão nos últimos dias, com aliados do governo defendendo uma troca de comando na estatal. Kajuru criticou a declaração do ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, que alegou ter divergências com Prates e se negou a avaliar sua gestão, afirmando que isso é função do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

— O que de pessoal o senhor [Alexandre Silveira] tem contra o presidente da Petrobras? Ou quais são os seus interesses em querer derrubá-lo? São interesses escusos? São interesses honestos, que vão contribuir com o país? — questionou Kajuru.

O parlamentar elogiou o trabalho de Prates e destacou que o líder da estatal fez mestrado no exterior, especializando-se em planejamento energético, gestão ambiental e economia do petróleo, tendo quase quatro décadas de experiência na criação e execução de projetos nas áreas de gás natural, petróleo, biocombustíveis e energia renovável.

— Além de mostrar visão estratégica privilegiada, Jean Paul Prates faz, na Petrobras, uma gestão, a meu ver, [...] isenta de quaisquer reparos. Acabou com o famigerado PPI (Preço de Paridade de Importação). Desde a implementação da nova estratégia comercial, em maio de 2023, o Brasil vivencia maior estabilidade nos preços dos combustíveis. Ainda no ano passado, o primeiro de Jean Paul Prates na presidência, a Petrobras alcançou o segundo maior lucro líquido de sua história, e saibam, R$ 124,6 bilhões. Aí, de uma hora para a outra, nasce uma crise desnecessária. Insisto na pergunta: ela é escusa? Ela tem interesses num setor tão desejado e sonhado? O setor de energia?

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Alagoinhas, BA
24°
Chuva

Mín. 21° Máx. 25°

25° Sensação
1.37km/h Vento
94% Umidade
100% (7.18mm) Chance de chuva
05h44 Nascer do sol
05h16 Pôr do sol
Dom 30° 20°
Seg 29° 20°
Ter 26° 20°
Qua 29° 21°
Qui 25° 20°
Atualizado às 10h01
Economia
Dólar
R$ 5,10 +0,00%
Euro
R$ 5,56 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,55%
Bitcoin
R$ 362,024,46 +0,03%
Ibovespa
128,150,71 pts -0.1%
Lenium - Criar site de notícias